Contacto :
+351 918 878 513
Localização :
Rua António Enes, 9 1º Esq. 1050-047 Lisboa - Portugal
Email :
ok@digitalxperience.pt

No mundo empresarial, as vendas B2B (Business-to-Business) desempenham um papel fundamental de sustentabilidade corporativa.

B2B é um modelo de produto, que independentemente da sua tangibilidade (quer seja bem ou serviço), se caracteriza pelo papel de benefício mútuo. Quer isto dizer que, um produto B2B é oferecido por uma empresa a outra, para o benefício de ambas.

Um exemplo prático seria um fornecedor de impressoras, que vende o seu produto (a impressora) a um escritório de advogados, ou uma agência de marketing que oferece o seu produto (facebook ads ou copywriting, por exemplo), a uma clínica dentária. O produto vendido aumenta a faturação da empresa que o oferece, e facilita o funcionamento e, por consequência, a faturação da empresa que o recebe.

Ao contrário das vendas B2C (Business-to-Consumer), as vendas B2B requerem abordagens estratégicas específicas e oferecem vantagens exclusivas para as organizações envolvidas.

Neste artigo, vamos explorar as vantagens do modelo B2B e dar a conhecer porque razão este modelo é essencial para o sucesso empresarial.

B2B

1. Relação de Longo Prazo

Uma das principais vantagens das vendas B2B é a possibilidade de estabelecer relações de longo prazo com os clientes.

Numa transação B2B, a confiança e a cooperação são fundamentais. As empresas têm a oportunidade de construir acordos sólidos, entendendo as necessidades específicas de ambas as partes e adaptando os seus produtos.

Esta colaboração aprofundada pode levar a parcerias duradouras e a um fluxo contínuo de negócios.

2. Volume de faturação Significativo

As vendas B2B geralmente envolvem volumes de faturação significativos.

Ao negociar com outras empresas, as organizações têm a oportunidade de realizar transações de grande volume, uma vez que o produto oferecido beneficia ambas as partes, reduzindo a necessidade de recursos (sejam estes, recursos humanos ou até mesmo financeiros), e indiretamente aumentando o ROI das empresas.

Estas características muitas vezes levam a margens de lucro maiores.

3. Personalização do produto

Neste modelo, é comum que os produtos ou serviços sejam personalizados ou adaptados para atender às necessidades específicas do cliente.

As empresas compradoras geralmente têm requisitos únicos ou indicações específicas, e as empresas vendedoras têm a capacidade de adaptar os seus produtos ou serviços consoante essas mesmas indicações. Esta personalização permite que os compradores atendam ás suas necessidades de forma mais eficaz, aumentando assim a satisfação e a fidelidade do cliente.

4. Relações Colaborativas

As vendas B2B geralmente envolvem uma abordagem colaborativa entre as empresas envolvidas. Ao cooperarem, as organizações podem trocar conhecimentos, experiências e recursos, e até mesmo serviços, resultando num ambiente de evolução corporativa.

Esta colaboração pode levar ao desenvolvimento conjunto de novos produtos ou à inovação conjunta, proporcionando uma vantagem competitiva no mercado em que cada uma se insere.

Um exemplo prático desta vantagem é o grupo Sumol+Compal. Na sua fundação, eram duas empresas distintas com um produto distinto. A sumol tinha um produto de bebida refrigerante de fruta e a compal tinha um produto de bebida natural de fruta e, aquando da vontade de cada uma expandir a sua linha de produtos para algo semelhante ao produto da outra, as duas empresas decidiram que em vez de se tornar uma competição por mercado, beneficiavam mais da fusão das duas marcas num grupo administrativo, criando um monopólio, e mantendo a identidade de cada uma das marcas.

5. Ciclos de Venda Mais Longos

Os processos de transação nas empresas costumam envolver várias etapas e decisões complexas, devido às diferentes partes envolvidas.

No entanto, uma vez que uma venda é fechada, é mais provável que a relação empresarial se torne duradoura.

Como resultado, as vendas B2B podem proporcionar um fluxo de faturação constante ao longo do tempo, uma vez que segundo o próprio Philip Kotler, “manter um cliente custa 10 vezes menos do que angariar um novo”, e o mesmo se aplica às relações empresariais. Dar continuidade a uma relação cooperativa, na qual o produto satisfaz as necessidades e beneficia o fluxo empresarial verifica-se muito mais “lucrativo” do que procurar novas parceiros.

6. Expansão de Mercado e Credibilidade

Ao funcionar com o modelo B2B, as empresas têm a oportunidade de expandir o seu mercado de atuação.

Ao estabelecerem parcerias com outras organizações, podem ter acesso a novos setores, mercados geográficos e públicos-alvo. Esta expansão oferece a possibilidade de crescimento e aumento das oportunidades de negócio, uma vez que, uma boa relação B2B, significa uma boa reputação e credibilidade, e abre caminho a parcerias estratégicas.

As vendas B2B têm um papel fundamental no cenário empresarial atual, e possibilitam uma estabilidade e fluxo contínuo de atividade.

A capacidade de estabelecer parcerias de longo prazo, lidar com volumes de faturação significativos e personalizar produtos ou serviços para atender às necessidades específicas dos clientes são apenas alguns dos benefícios deste modelo de venda.

Além disso, a colaboração entre empresas, o ciclo de venda mais longo e a oportunidade de expandir para outros mercados e aumentar a credibilidade são vantagens que podem impulsionar o sucesso empresarial.

Num mundo empresarial cada vez mais competitivo, as vendas B2B destacam-se como uma abordagem estratégica e benéfica.

Estás a começar a tua jornada empreendedora? Aqui estão 5 ferramentas que te podem facilitar a vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Awesome Works
Awesome Works

Related Posts